History
Icon-add-to-playlist Icon-download Icon-drawer-up
Share this ... ×
...
By ...
Embed:
Copy
460>_1009762

A Cantora Bianca Aguiar inova mais uma vez e lança o 5º CD de sua carreira “GLAMOROUS SKY”. Bianca Aguiar deu um toque a mais à música, gravando sua própria versão em japonês e uma adaptação inédita em português denominada “UM CÉU DE ARCO ÍRIS”. A versão Mix (japonês e português) foi lançada pela Rádio Banzai, para o Brasil e Japão, e o Clipe já é sucesso em Rádios e TVs de todo o Brasil.
Com 8 anos de carreira, 5 CDs, Bianca Aguiar pôde ser vista nas telinhas participando de programas de grande audiência, dentre eles É Show com Adriane Galisteu, Note e Anote, Raul Gil, A Casa é Sua, Gente Inocente entre outros programas da Rede Globo, SBT, Band, RedeTV, Redevida, Gazeta, Canais UHF, TVs Comunitárias, Parabólica, TVs à Cabo, Regionais e WebTVs. Recebeu vários prêmios, ao longo de sua carreira, por seu destaque na música, e em 2007 foi laureada com o Prêmio Brasil Nordeste, concedido aos Gigantes de 2007. Acesse seu site e confira mais esse sucesso: www.biancaaguiar.com

[PLAY]
460>_1011039

O VITRINE HUMANA começou em fevereiro de 2002 com a proposta de fazer um som simples e direto
misturando poesia e ódio com letras inteligentes que retratam o cotidiano do país e do mundo .

Fez sua primeira apresentação no dia 22 de fevereiro 2002 em Guarulhos no Anfiteatro Pedro Dias Gonçalves
estreando com muito sucesso o que seria então o começo de uma agenda lotada de shows.

Sua formação atual é:
Fernando Caraça (guitarra)
Wanderley Pereira (vocal)
Garcia (Bateria)

A banda participou de alguns eventos importantes como o 1º Encontro de Rock de Guarulhos que teve a participação do cantor Marcelo Nova 2º Encontro de Rock De Guarulhos Como uma das Bandas Principais Participou de um Show com o apoio do programa D.D.O. da radio Brasil 2000 FM e fez ainda um show para a rede Globo em novembro de 2002 , teve ainda Varias matérias publicadas em jornais importantes, Além de Ter participado de varias coletâneas

O Vitrine Humana usa a música como uma arma pacificadora que talvez não vá mudar o mundo mas pode incentivar muitos a tentar.

[PLAY]
460>_1011035

Seus integrantes em sua formação atual são: Cípula (bateria), CP (baixo), Dalmo (guitarra) e Digo (Voz).

O primeiro CD da banda, intitulado Subgaragem, tem suas músicas influenciadas pelo Rock’n’Roll, Hardcore, Hard-Rock, Punk-Rock e outros tipos de rock ainda não batizados.

Músicas como Bonecos de Cera, Trem e 4 de julho, falam sobre padrões de comportamentos massificados, que somos obrigados a seguir sem questionar. As músicas demonstram claramente sua posição politizada com uma visão autocrítica sobre as ações que reproduzimos no dia-a-dia.

Rock N’ Roll, Perdido e Adúcp mostram que a consciência nem sempre é em relação ao todo, mas também em relação ao indivíduo, com letras que abordam ações e sentimentos que, num primeiro momento, podem parecer prosaicos, mas que assumem um caráter grandioso quando se passa com quem os vivencia.

A Subgaragem demonstra toda sua força e atitude em seu primeiro CD. Comprovando que o Rock’n’Roll pode e deve ser usado como instrumento de contestação sem deixar a diversão de lado.

[PLAY]
460>_1011034

O primeiro cd da banda reflete várias vertentes do rock,
fruto do trabalho de composição desde o ano 2000 e das
diversas influências que a banda teve, tais como The
Cramberries, Pretenders, Metallica, Van Halen, etc..
As doze composições têm como autores Paulo Francioli
e Izabelle Francioli, guitarrista e vocalista da banda,
respectivamente, que tem influências variadas. O guitarrista
é influenciado predominantemente pelo Heavy Metal,
enquanto a vocalista, recebendo aulas de canto lírico focouse
à harmonia das composições.
A mensagem que a banda deseja transmitir aos outros é de felicidade, de superação
dos obstáculos, de protesto, de indignação, de amor ao próximo, de amor à vida.
Esse primeiro cd vem mostrar as diversas faces da Santo Graal, suas possibilidades e
suas perspectivas.
Cada músico constrói uma parte de cada composição, seja pelo forte impacto da
bateria de Leandro Pereira, os riffs agressivos da guitarra de Paulo Francioli, a voz
intensa de Izabelle Francioli ou a harmonia do baixo de Bruno Bordallo.

[PLAY]
460>_1011032

Paulistano, tem como proposta um rock acustico, misturando blues, pop e country com influência do rock BR-80 e rock n roll 60s.

Não se trata apenas de um som “voz e violão”, além de somar instrumentos como a gaita existe também as letras de uma cultura urbana, que é a cultura que nós vivemos e que Montoya vive, dentro de uma metrópole como São Paulo.
Montoya vem revelar a fotografia do dia-dia através de melodias populares (ASSIM QUE ELA ME AMA, BLUES DO BÊBADO, DESESPERO DE UM AMIGO), descrevendo loucuras metropolitanas(DEVASSA), momentos de auto-ajuda (NUNCA SUBESTIME) e até aventuras amorosas(BEIJO NA BOCA, AMO VOCE).

Montoya atuou em bares de SP (como “Espaço Oficina”, “Central Moema”), shopping, Feira do CD Independente da APADEMP, faculdades (como evento cultural da PUC), além de festivais como da rádio rock Brasil2000, onde esteve entre os 60 após mais de 1000 inscritos.

[PLAY]
460>_1011036

BANDA DE ROCK BRASILEIRO (Música Brasileira), cantando em português suas próprias. Somos o rock de São Paulo, não os primeiros, nem os únicos.
Mistura de diversas influências, principalmente rock dos anos 60 e 70 – sem copiar – pensando no futuro sempre.

O nome TINTA PRETA, inicialmente TINTA PRETA FOSCA, foi tirado de uma música do Som Nosso de Cada Dia, grupo de rock brasileiro dos anos 70.
E por que TINTA PRETA?
Porque somos um "bando" de brancos apaixonados pela música negra;
Porque tocamos, a nossa maneira, música negra;
Porque o ritmo e o suingue são negros;
Porque aquilo que gostamos, tocamos e ouvimos (rock, samba, blues...), ou é música negra ou partiu dela.

[PLAY]
460>_1011038

VEXUS é uma banda de rock da cidade de São Paulo, formada por 5 integrantes Marcelo Bachega (vocal), Marcio Rodrigo (guitarra), Danilo Bellintani (contra baixo), Thyago Farias (guitarra) e Valter Ueji (bateria).

Em 2008, grava seu primeiro disco “ No País das Maravilhas ” produzido por Daniel Toninni e gravado por Henrique Baboom, nos estúdios Audio Place, O diferencial do disco “No País das Maravilhas” está no peso das guitarras, nas repercussões das letras (reais e atuais)
CURIOSIDADE !! O nome VEXUS, é uma variação do verbo ( vexar ) originário da palavra “vexare” de origem latim, com o significado de “ afrontar, oprimir e torturar ”

[PLAY]
460>_1011030

Atualmente Lucas Sumodjo, trabalha em seu terceiro e mais novo trabalho, o disco com nome de “Dias de Tempestade”, que esta sendo preparado com todo carinho para vocês. Como Lucas sempre diz “O que vale mesmo é o sentimento contido em cada canção, é o canto que brota da alma que vaga incansavelmente até encontrar o seu
destino...encontrar um coração inquieto a procura de algo ou simplesmente
a espera de algo, pois, como já dizia o poeta, assim como o pão é o alimento
do corpo a música é o alimento da alma.”

[PLAY]
460>_1011033

Apesar de novos (a idade da maioria é de 21 anos), a NASTRADA tocou no Reveillon da Barra da Tijuca na virada 2006/2007, abrindo shows de Cláudio Zolli, Sandra de Sá, Luiz Melodia e Preta Gil, para público de cerca de 80.000 pessoas.
Foi classificada e disputou a fase final do prêmio TIM em 3 categorias: melhor CD, melhor grupo e banda revelação. No final de 2007 ganhou o festival Songbook de bandas de rock, que rolou no Rio, na Lapa.
O Clipe da música “Tão Distante” que é a faixa de trabalho do 1º CD da Banda está disponível no site da MTV.
A banda tem feito muita coisa em circuito universitário, especialmente em São Paulo, incluindo participação em programas de rádios e TV`s. Em dezembro, em São Paulo, fizeram o show da festa de final de ano da Editora Globo. Fizeram programas também em rádios como; Gazeta AM, 89 FM (Campinas), Oi FM, além do programa Atitude.com na TVE (este programa foi incluído entre os melhores do ano e reprisado no dia 03/01/08; neste programa, deu pra conferir também a boa receptividade de público ao trabalho da banda, pois houve muitas manifestações positivas dos telespectadores).
A Banda tocou no Beach Lounge da revista QUEM em Paraty, e saiu na edição do carnaval – 8 de Fevereiro de 2008.

[PLAY]
460>_1011029

A banda HEVIL foi criada em 2005, por um grupo de amigos que decidiram levar a musica a serio, alguns ao longo do tempo foram desistindo de um compromisso serio e se afastaram. Em 2006 fizeram vários shows, participaram de festivais com sua formação antiga, porém com um novo baterista. Em 2007 surgiram vários problemas e a formação da banda foi drasticamente alterada, porém mantendo-se firme o baterista e o guitarrista. Após 5 meses distante o vocalista voltou para ocupar o seu lugar! Agora com nova formação, a HEVIL está de volta com a proposta de mostrar à todos a verdadeira essência do Rock N’ Roll e do Heavy Metal. Todos tem amadurecido e mostrado uma atitude pesada e irreverente através de suas músicas próprias e covers de grandes clássicos desde Led Zepellin até Godsmack.

[PLAY]

Next Page

Next Page